RACISMO

Diga não ao preconceito, somos todos irmãos, chega de violência, vamos semear amor e paz no mundo, a seguir leiam o poema RACISMO e ouça com o grupo roupa nova a musica a PAZ…

ROSTO

Risos, prantos barulho silêncio,

Riqueza, pobreza.

Infância, velhice…

Rosas espinhos desespero,

Esperança…

Ódio, amor, tristeza alegria,

Verdade mentira presença,

Solidão…

A curva que sulcam a vida.

Muralha invisível do racismo,

Arma fria da opressão…

Como se na cor da epiderme, revelasse

O sentimento que no coração

Se abriga…

Como se na pele residisse,

A alma…

Quanta ignorância,

E incompreensão…

Como se não fossemos todos

Irmãos…

Orlando Nogueira ( O Poeta Carvoeiro)

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s