LEVANTA – TE COMODISTA

 

 

 Notícias nas mídias cibernéticas e nos telejornais.

– Rodopia – se o mundo…

Cria – se a humanidade, surgem as lutas,

– Quanta carnificina, ruínas para os povos…

– Quanta ação oca, inconsistente, como uma bolha.

– Passo o tempo… quantos desenganos,

Sofrem os homens!…

– Quantos gestos desesperados,

Refesteladas no sofá vendo tudo isto,

Quantas criaturas existem,

Na zona de conforto…

– Humanidade, cruel humanidade!

Onde está seu espírito de caridade?

Justifiquemos nossa existência temos que fazer,

Alguma coisa para desfazer tantas misérias

– Levanta – te comodista…

Orlando Nogueira (O Poeta Carvoeiro)

Betim, 10 de abril de 2021

 

 

 

 

 

 

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s